Tudo o que Você Precisa Saber Sobre a Black Friday

Black Friday é o nome dado pelo varejo para a ação intensiva de vendas que acontece sempre na quarta sexta-feira do mês de novembro, logo após o feriado de Ação de Graças. A data marca a abertura da temporada de compras do Natal e se caracteriza por grandes descontos e a movimentação de milhões de dólares.

No Brasil, a primeira edição da Black Friday aconteceu em 2010. Ao contrário do que acontece nos Estados Unidos, em que a tradição são os descontos nas lojas físicas com muita correria, a data aqui no país é marcada pelas ofertas nas lojas de comércio virtual, com descontos que podem superar os 50%.

Apesar de um início tímido e cercado pela desconfiança do consumidor – quem nunca se deparou com termos como Black Fraude e ‘tudo pela metade do dobro’? – a Black Friday brasileira vem crescendo a cada edição e é, hoje, um das três principais datas para venda do ano. Para se ter uma ideia, em 2015, o faturamento com a sexta de descontos ultrapassou a marca de 1,5 bilhão de reais, um aumento nas vendas de mais de 75% por cento em relação ao ano anterior.

Desde a primeira edição, o número de lojas participantes já aumentou nove vezes, e um estudo do Índice Cielo de Varejo Ampliado mostra que a Black Friday já equivale, em volume de vendas, a sete sextas-feiras comuns para o comércio online. Uma outra pesquisa, encomendada pelo Google, mostra que três em cada quatro consumidores brasileiros aguardam com expectativa a Black Friday.

Quer investir?

No Brasil, a sexta de descontos envolve majoritariamente lojas de eletrônicos e artigos de moda, mas, na verdade, é uma grande oportunidade também para quem vende soluções e serviços. Se você está no ramo dos negócios B2B, aproveite a data para aumentar a receita com vendas.

Lembre que a Black Friday cria expectativas e um sentimento de urgência, já que se trata de uma janela de 24 horas para o fechamento do negócio. Por se tratar de um evento que ocorre basicamente no ambiente virtual, é a hora de afinar as suas estratégias de marketing digital e tirar o máximo proveito das ferramentas disponíveis. Afinal, de nada adianta ter ótimos produtos e ofertas se você não está “visível” para os consumidores.

Esteja visível

Divulgue suas ações nas redes sociais, produza conteúdo relevante em seu blog e não esqueça de trabalhar com antecedência e segmentar o seu e-mail marketing. Além disso, aposte em mídias pagas. Há várias ferramentas que você pode utilizar para alcançar mais clientes, como Facebook Ads, Google Adwords e posts patrocinados no Twitter. Tenha em mente que, nesta data, esses canais estarão muito concorridos, sendo necessário, portanto, revisar suas palavras-chave para obter um melhor ranqueamento e ter mais chances de aparecer tanto nas redes sociais quanto em mecanismos de busca

Melhore Seu Site

Na Black Friday, algumas medidas devem ser tomadas em relação ao seu site. Esse é um dia em que, provavelmente, suas páginas apresentarão picos no tráfego, então, faça testes para garantir que ela permaneça no ar, independentemente do volume de acessos, e que todos os links e imagens apareçam corretamente.

Além disso, insira elementos que incentivem o visitante a efetivar uma compra.  Para tanto, você pode colocar um relógio com a contagem regressiva para o fim das promoções ou pop-ups de saída, que são as mensagens que aparecem quando o usuário está prestes a sair do site, destacando descontos ou direcionando para a página de compras, por exemplo.

Crie uma Landing Page Específica

Faça uma Landing Page voltada especificamente para a sua ação de Black Friday, com chamadas para encorajar o visitante a se inscrever. Ofereça vantagens, como “Seja o Primeiro a Receber Nossas Ofertas” ou “Me Avise”.  Dessa forma, você terá uma base de contatos de pessoas realmente interessadas nas suas promoções e isso ajudará em uma futura segmentação de leads.

Foque na Experiência do Usuário

A Black Friday é um importante momento para fidelizar clientes. Portanto, invista em um atendimento de excelência. Responda as pessoas nas redes sociais, disponibilize um chat on-line no seu site e garante que o seu SAC esteja funcionando perfeitamente. Também fique de olho em sites como o Reclame Aqui e mantenha a boa reputação da sua marca.

Invista no Mobile

O número de pessoas que realizam compras através de seus smartphones cresce a cada ano. O público brasileiro está cada vez mais bem informado e familiarizado com negociações virtuais. Então, invista em um site responsivo, que se adapte às mais diversas plataformas, e garanta que a opção de compra esteja disponível para os clientes mobile.

Faça Descontos Reais

Os tempos de Black Fraude e ‘tudo pela metade do dobro’ já passaram. Não maquie os valores e ofereça descontos reais. Faça um planejamento com antecedência e analise quais produtos têm maior margem de desconto ou o que pode ser feito para vender aqueles com baixa rotatividade.

Hoje, com ferramentas como o Selo Black Friday e, no caso de e-commerce, os sites de comparação de preços, o consumidor tem acesso fácil e rápido a toda a informação necessária na hora de fechar uma compra. Lembre-se, é a sua oportunidade de atrair e fidelizar novos clientes.

Conclusão

A Black Friday é um evento já consolidado no Brasil. A importância para o mercado virtual já é comparável a de datas como o Natal e o Dia das Mães. Muito mais do que eletrônicos e artigos de moda, a sexta-feira de descontos é uma grande oportunidade para aumentar a receita e conquistar novos consumidores.

Invista em técnicas de marketing digital e na divulgação da sua empresa para garantir que você esteja visível para potenciais clientes. Foque em oferecer descontos reais e em uma boa experiência para o usuário. Um consumidor satisfeito pode voltar a comprar os seus produtos e até mesmo fazer avaliações positivas em sites e nas redes sociais, beneficiando ainda mais o seu negócio.

Compartilhar: