Conheça as métricas de redes sociais mais importantes para o seu negócio!

Fundamental para o sucesso da sua empresa não apenas no ambiente da internet, mas para o negócio como um todo, é assim que deve ser vista a análise das métricas de redes sociais, pois é a partir dessa tarefa que você conseguirá saber, por exemplo, se as ações e estratégias associadas à essas mídias estão dando certo.

Uma observação pertinente, porém, é que para ser possível acompanhar o real desempenho das suas ações, é preciso ir muito mais além das curtidas e da quantidade de seguidores.

Pensando nisso, preparamos este conteúdo para mostrar quais são as métricas de redes sociais mais importantes. Continue a leitura e confira!

Facebook

Começaremos pelas métricas do Facebook. As principais são:

  • alcance;
  • publicações;
  • pessoas.

O alcance se refere à quantidade de pessoas que visualizaram uma determinada publicação da sua página. Essa métrica é detalhada pela soma das visualizações orgânicas com as geradas pelos anúncios. As publicações apresentam os dados relativos às postagens, incluindo o comportamentos dos seguidores de acordo com os dias e horários.

Também é possível analisar o resultado obtido para cada tipo de publicação (imagens, vídeos, conteúdos do blog etc) que foi realizada. A métrica “pessoas” exibe as informações demográficas agregadas dos usuários que curtiram a sua página. Ela é importante para que se possa compreender melhor quem é a sua persona.

Instagram

Quanto às métricas do Instagram, as mais importantes são:

  • impressões;
  • alcance;
  • engajamento;
  • interações.

As impressões correspondem ao número total de vezes que as publicações foram vistas. Cada visualização é contatada com um impressão, não importando se a pessoa está vendo o post pela primeira vez ou não. O alcance do Instagram é exatamente igual ao do Facebook.

O engajamento mostra a quantidade de curtidas e comentários que as suas publicações receberam, enquanto as interações revelam o número total de ações ocorridas no seu perfil. Isso inclui o volume de visitas e de cliques no link da bio, e-mail e telefone, por exemplo.

YouTube

No YouTube, as principais métricas são:

  • exibições;
  • inscritos;
  • gostei e não gostei;
  • compartilhamentos.

As exibições apontam o número de internautas que assistiram um determinado vídeo, porém, não diz se o conteúdo foi assistido por inteiro ou não. Os inscritos dizem respeito à quantidade de pessoas que se inscrevam no seu canal.

O gostei e não gostei manifesta a opinião dos usuários em relação à qualidade do conteúdo apresentado no vídeo. Os compartilhamentos, assim como a maioria das outras métricas, são autoexplicativos, já que apresentam a soma total do número de vezes que os vídeos foram compartilhados.

Twitter

O Twitter não poderia ficar de fora deste artigo sobre as métricas de redes sociais. Aqui, as mais relevantes são:

  • impressões;
  • menções;
  • tweet de destaque.

As impressões expõem a quantidade de visualizações nos seus tweets. As menções dizem quantas vezes um tweet foi mencionado pelos usuários. E o tweet de destaque é aquele que mais impressões recebeu no mês.

LinkedIn

Por último, vamos às métricas do LinkedIn. Dependendo do negócio, esse canal pode ser de grande ajuda para o seu crescimento.

  • visitantes;
  • atualizações;
  • seguidores.

Os visitantes correspondem às pessoas (únicas) e visualizações de página ao longo de um período em específico. Essa métrica dá acesso aos dados demográficos e profissionais de cada uma deles.

As atualizações indicam o número total de usuários que comentaram, gostaram, compartilharam e passaram a seguir o seu perfil nos últimos trinta dias. Já a métrica “seguidores” é aquela que revela a quantidade de usuários que segue o seu LinkedIn.

Sob uma visão geral, essas são as métricas de redes sociais mais importantes em relação às mídias aqui apresentadas. Para o sucesso das suas ações na internet, é fundamental não apenas conhecê-las, mas sim saber o que pode ser feito para melhorá-las.

Se gostou deste artigo, não deixe de ver também o que é o monitoramento estratégico de informações!

Compartilhar: